Trabalhar projetos de uma forma eficiente é um dos grandes desafios organizacionais, não é mesmo?! Por isso no texto 1 dessa série apresentamos para vocês o que é a metodologia Scrum. Hoje vamos te apresentar com mais detalhes os três pilares que fundamentam essa metodologia. Vamos lá!

Transparência, Inspeção e Adaptação.

E o que significam esses pilares e como implementá-los na rotina da equipe?

Transparência

As informações significativas do processo e projeto devem estar visíveis para todos os responsáveis pelos resultados. Essas informações devem ser passadas de forma clara e precisa, para que toda a equipe envolvida no projeto tenha o mesmo entendimento.

Inspeção

O pilar da inspeção surge para que os processos, as práticas e as atividades sejam analisadas com frequência, para que, modificações inaceitáveis possam ser detectadas o quanto antes. Criar esse hábito ajuda a garantir que o cliente receba um produto com a qualidade devida.

Adaptação

A adaptação significa que a equipe deve estar preparada para adaptar o que for necessário no processo, sempre que um evento não planejado ocorrer, a fim de evitar que ocorra novamente.

Para implementar os pilares acima, o Scrum oferece as seguintes cerimônias, ou reuniões que fazem parte da rotina da empresa:

·        Daily – Reunião diária que serve para a equipe apresentar as atividades desenvolvidas anteriormente, aquelas que estão sendo desenvolvidas no momento e se existe qualquer bloqueio que impeça a finalização de alguma atividade incluída na iteração, ou sprint.

·        Review – Reunião em que a equipe apresenta os resultados de tudo que foi desenvolvido durante a iteração, ou ciclo. Momento também em que o dono do produto, ou product owner declara se os objetivos da sprint foram cumpridos, ou seja, se a entrega gerou valor para o negócio.

·        Retrospective – Reunião de retrospectiva que ocorre somente entre a equipe. Momento para se discutir os pontos positivos e negativos, tendo como objetivo listar as lições aprendidas e o comprometimento com as melhorias.

·        Scope – Reunião de escopo entre o scrummaster, membro líder da equipe, e o product owner, em que são definidas as atividades, a prioridade e o objetivo da próxima iteração.

·        Planning – Reunião de planejamento, é o momento do time, juntamente com o product owner planejará a sprint, definindo e votando o tempo e complexidade das atividades.

Adotando o Scrum, a melhora é significativa não só na entrega dos projetos, como também na transparência e disseminação de conhecimento entre os membros da equipe e até mesmo dos clientes. Hoje, pode-se dizer que a IN3 está preparada para trabalhar com a complexidade das perguntas dos clientes entregando o que de fato gera valor.

A IN3 entrega mais que projetos, entrega coragem quando permite ajustar escopo de trabalhos, de forma a buscar construir coisas que vão sempre atender às necessidades dos clientes; quando admite que requisitos podem não ser perfeitos e que planos às vezes não captam a realidade e a complexidade do que é solicitado.

Entrega foco, trabalhando de forma mais simples e objetiva; comprometimento, se comportando com esforço e dedicação para cumprir as metas e aprender mais a cada novo ciclo e entrega.

E principalmente, a IN3 entrega respeito abertura, para que equipe ou cliente tenham total confiança em fazer parte de todo o processo, ajudando no crescimento e aprimoramento de formas mais assertivas de planejar e tomar decisões orientados por dados confiáveis e análises precisas.

Ah! Nós da IN3 trabalhamos a partir de big data, transformando um oceano de dados em análises que orientem decisões: de big data para uma página. Nós dominamos os dados e assumimos o trabalho analítico, para orientar decisões de mercado mais assertivas. Se você quiser saber mais do nosso trabalho, não deixe de conhecer nosso site!

Assine nossa newsletter e receba novidades